O que são Alimentos Biodinâmicos

Os insumos utilizados no plantio de alimentos biodinâmicos são produzidos a partir de substâncias minerais e vegetais. Tudo isso com a intenção de usar fontes naturais que mantenham o solo equilibrado, sem causar impactos ou prejuízos derivados de produtos químicos.

Como é essa forma de cultivo?

A agricultura biodinâmica é uma alternativa para quem deseja seguir um estilo de vida mais saudável. Ela foi desenvolvida a partir do conceito da antropofosia, criada pelo filósofo austríaco Rudolf Steiner.

Se você acreditava que esse conceito é novo, se engana. Rudolf Steiner idealizou esse conceito em 1924 com o objetivo de integrar todos os seres vivos (animais, plantas e ambiente) na produção alimentar.

Nesse tipo de agricultura é levado em conta a relação do ambiente com os seres vivos. Além disso, a terra, fases da lua (sazonalidade dos produtos) e utilização de recursos naturais são importantes para um plantio bem sucedido.

Esse processo resulta em alimentos mais sustentáveis e sem adição de componentes químicos, como os agrotóxicos, pesticidas e fertilizantes. Portanto, bem mais nutritivos e naturais, como todo alimento deveria ser.

A fazenda é vista como um organismo e o produtor é o responsável em integrar todas as atividades da sua propriedade, como a criação de animais, horta, pomar, florestas nativas etc.

Esse conceito baseia-se na ideia de que a terra é capaz de se renovar e que o próprio produtor pode preparar os insumos de qualidade para o seu plantio.

Por que optar pelos alimentos biodinâmicos?

Já é de conhecimento de todos que a agricultura convencional que produz alimentos em grande escala utiliza agrotóxicos com o objetivo de trazer mais resistência às pragas, aumentando sua durabilidade, além de deixar os produtos “mais bonitos”, e portanto, mais apresentáveis, facilitando a venda.

Os alimentos biodinâmicos diferem por não conter agrotóxicos ou qualquer tipo de produto químico que sejam prejudiciais à saúde.

Confira alguns benefícios de escolher alimentos biodinâmicos!

  • Produtos de mais qualidade –  que se comprova pelo sabor. Aqui você vai ter que experimentar para comprovar.
  • Produtos mais nutritivos – a agricultura biodinâmica enriquece o solo antes do plantio. Benefício que é estendido até o seu corpo através do consumo de uma planta carregada de nutrientes.
  • Valorização do trabalho do agricultor, que investe seus recursos por que acredita nos benefícios dos alimentos biodinâmicos.
  • Consciência ambiental – já é mais do que sabido que a cultivo convencional contamina não somente o próprio alimento que está produzindo, mas também o solo, a água e o ar do local do cultivo e seus arredores.
  • Regeneração do planeta – eliminando os venenos utilizados na plantação, o local volta a ser povoado por plantas e animais que pertencem aquele lugar.
  • Mais saúde e bem estar – e apesar de todos esses benefícios, a recompensa maior é nossa, consumidores conscientes que passam a ter mais essa opção de alimentação.

Consumir esses alimentos pode aumentar a quantidade de vitaminas e nutrientes que seu corpo absorve e evitar doenças como câncer, uma vez que é livre de pesticidas, agrotóxicos e outros produtos químicos usados para controle de pragas e que causam dano celular.

Esses alimentos possibilitam maior absorção de nutrientes, vitaminas, além disso, melhora a constipação, o que resulta também em mais bem estar, ajudando inclusive na depressão e problemas de ansiedade.

Agricultura biodinâmica x agricultura orgânica

Você deve estar pensando agora: a agricultura biodinâmica é um outro nome para a agricultura orgânica? Não é bem assim… Mas afinal, qual a diferença entre elas?

Podemos resumir dizendo que todo alimento biodinâmico é orgânico, mas nem todo alimento orgânico é biodinâmico.

 

Isso significa que a biodinâmica inclui todos os padrões de processamento e não apenas um. Ela é mais elaborada e tem características próprias que a diferenciam dos demais tipos de agricultura.

Para se ter uma ideia, os alimentos biodinâmicos consideram fatores místicos e espirituais, calendário astrológico e outros fatores que a agricultura orgânica não considera.

Basicamente a agricultura orgânica é feita a partir da compostagem e adubação orgânica, por meio da utilização de substâncias vegetais e minerais, favorecendo a biodiversidade e o meio ambiente.

O que elas têm em comum? Ambas as agriculturas não se utilizam de compostos químicos para a produção de alimentos. Utilizam substâncias que ajudam a melhorar o solo, além de respeitar a época adequada para o cultivo de cada alimento (sazonalidade). Isso explica o por que de haver uma certa confusão com relação aos termos.

A Biodinâmica em Botucatu

Em Botucatu, especificamente no Bairro Demétria, está localizada a primeira fazenda biodinâmica do Brasil. No bairro também estão a Associação Brasileira de Agricultura Biodinâmica e o Instituto Elo, que oferece o curso de especialização em Agricultura Biodinâmica.

O estado que tem a maior parte de produtores de alimentos biodinâmicos é o estado de São Paulo, seguido pelo estado do Rio Grande do Sul. Ambos os estados lideram a produção desses alimentos e fornecem para o restante do país em feiras ou através da venda pela internet.

Preço dos alimentos biodinâmicos

É comum a grande maioria das pessoas deixarem de comprar alimentos biodinâmicos pelo preço. Esse tipo de alimento realmente é mais caro do que os alimentos tradicionais, por conta dos altos impostos sobre esses produtos.

E isso, obviamente, é repassado ao consumidor. Por mais que seja mais caro, vale a pena colocar a mão na consciência e pensar nessa escolha como um investimento para a saúde e para o planeta de uma maneira geral.

Onde encontrar alimentos biodinâmicos?

No Brasil, os alimentos biodinâmicos são reconhecidos pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário.

Você pode encontrar geralmente em feiras e mercados especializados e na internet. Você não encontrará tanta variedade de opções disponíveis, uma vez que é respeitada a sazonalidade dos produtos e ciclo de vida das plantas.

Vários alimentos biodinâmicos são vendidos no Espaço Orgânico como é o caso do arroz, farinha de arroz, farinha de milho e farinha de trigo.

Como sei se um alimento é biodinâmico?

Para saber se um alimento é biodinâmico basta analisar se contém o selo DEMETER, que é uma marca mundial que indica que os alimentos foram cultivados de acordo com os valores culturais, espirituais, econômicos e sociais da agricultura biodinâmica.

Portanto, os produtores que adotam esse tipo de agricultura precisam garantir o mínimo possível de entrada de insumos e recursos de fora da sua propriedade.

Você já experimentou os alimentos biodinâmicos? O que achou? Conte-nos sua experiência!